Light alerta: balões e pipas podem causar acidentes e interrupções de energia

Balões e pipas, quando em contato com a rede elétrica, podem ocasionar interrupções no fornecimento de energia. Essas práticas também podem provocar incêndios, acidentes graves e até mesmo mortes. Por isso, a Light orienta a população e ressalta que, em casos desse tipo, a companhia deve ser acionada pelo Disque-Light Emergência (0800 021 0196), com ligação gratuita e disponível 24 horas.

A Light mantém um programa permanente de manutenção, alerta sobre os riscos e dá dicas para a prevenção de acidentes. A companhia ressalta que, por razões de segurança, apenas os funcionários da empresa, devidamente treinados e equipados, estão autorizados a acessar a rede elétrica.

Confira algumas dicas da Light para soltar pipa com segurança:

– Solte pipas longe dos fios, para evitar o risco de contato com a rede e acidentes mais graves;

– Não solte pipas nas lajes das casas. Não é seguro e qualquer distração pode resultar em choques – caso a pipa prenda na rede elétrica – quedas e mortes;
– Caso a pipa fique presa, não tente recuperá-la. Não suba em telhados, postes ou torres de transmissão. Jamais tente removê-la utilizando canos, vergalhões e bambus.

– Objetos de metal, como ferro, alumínio e cobre ou qualquer tipo de material molhado provocam choques quando em contato com os fios da rede elétrica;
– Ao primeiro sinal de tempestade, interrompa a brincadeira. Recolha a pipa que, nesta situação, funciona como para-raios, conduzindo energia;
– Ao produzir a pipa, não use papel laminado, o que agrava ainda mais qualquer contato com a rede elétrica. Se a pipa tocar nos fios vai provocar um curto-circuito, que poderá atingi-lo;

– Fique atento para que a linha da pipa não atravesse no caminho de ciclistas e motociclistas. Muitos acidentes acontecem porque as linhas não podem ser vistas;
– Nunca use cerol. Ele é proibido por lei;
– Procure locais abertos, longe da rede elétrica, para soltar pipa.

A prática de soltar balão é crime previsto no Código Penal. Veja abaixo os riscos mais frequentes da soltura de balões:

– Se o balão cair sobre uma subestação, os danos poderão ser de grande magnitude, tendo como consequência a interrupção de energia para grande número de clientes;
– Se o balão cair sobre os cabos condutores das linhas de transmissão, poderá ocorrer um curto-circuito, que, dependendo de sua intensidade, ocasionará a queda desta fiação e acidentes graves, além da interrupção do fornecimento;
– Se o balão cair nas faixas de segurança das linhas de transmissão, é muito grande o risco de acontecer um incêndio, o que pode provocar o desligamento das linhas, além de afetar o meio ambiente.

2 comments

Deixe uma resposta