Posto do Km 40 será demolido

Em resposta as denúncias feitas pela emissora Record de Televisão sobre a infraestrutura e limpeza do posto de saúde do km 40, na BR-465, o Secretário de Saúde e Defesa Civil Marcelo Tinoco prometeu tomar medidas enérgicas para resolver a questão da saúde no município. “O posto será demolido assim que inaugurarmos a UPA 24 horas”, diz.

O SECRETÁRIO de saúde Marcelo Tinoco mostra o catálogo de diagnóstico dos problemas e garante mudanças. (FOTO BRUNA RODRIGUES)
O SECRETÁRIO de saúde Marcelo Tinoco mostra o catálogo de diagnóstico dos problemas e garante mudanças. (FOTO BRUNA RODRIGUES)

O secretário destaca que os problemas relatados são antigos e demandam diálogo entre profissionais técnicos e comunidade. Ele justifica que muitos problemas não podem ser resolvidos imediatamente, pois o faturamento do município destinado à saúde ainda é baixo. “A política dos postos de saúde não foi pensada para o futuro. Queremos dobrar os recursos financeiros que, atualmente, são de apenas 450 mil”, afirma.

Além da abertura de uma nova unidade de saúde, Marcelo Tinoco conta que muita coisa deve mudar e que todas as deficiências já foram diagnosticadas. “O estado crítico do posto do km 40 me da vergonha, mas ele existe há vinte anos e agora estamos trabalhando para mudá-lo”, finaliza.

Planejamento para o futuro

No início do mês de fevereiro a Secretaria de Saúde anunciou um plano de medidas para o orçamento de 2013 em conjunto com o Governo do Estado e Federal. Entre as ações estão à legalização dos terrenos onde se encontram as clínicas para o cadastro junto ao SUS; a inclusão de 15 novos serviços e novos equipamentos; a reforma do posto do km 49 e a demolição e reconstrução do posto do km 40, com novo projeto de dois andares e perfil pré-hospitalar. Além de um plano de bonificação com meta de resultados para os funcionários.

Fonte: Jornal Atual

2 comments

Deixe uma resposta